Serviço de Apoio Domiciliário

O Serviço de Apoio Domiciliário é uma Resposta Social que consiste na prestação de cuidados e serviços a famílias e ou pessoas que se encontrem no seu domicílio, em situação de dependência física e ou psíquica e que não possam assegurar, temporária ou permanentemente, a satisfação das suas necessidades básicas e ou a realização das atividades instrumentais da vida diária, nem disponham de apoio familiar para o efeito.

Objetivos do Serviço de Apoio Domiciliário:
1. Contribuir para a melhoria da qualidade de vida dos clientes e família;
2. Contribuir para a conciliação da vida familiar e profissional do agregado familiar;
3. Contribuir para a permanência das pessoas no seu meio habitual de vida, retardando ou evitando o recurso a estruturas residenciais;
4. Promover estratégias de desenvolvimento da autonomia;
5. Prestar os cuidados e serviços adequados às necessidades dos clientes (mediante contratualização);
6. Facilitar o acesso a serviços da comunidade;
7. Reforçar as competências e capacidades da família e/ou dos cuidadores.

Serviços prestados:
1. Fornecimento e apoio nas refeições, respeitando as dietas com prescrição médica;
2. Apoio a deslocações médicas e exames;
3. Apoio/ acompanhamento psicossocial;
4. Cuidados de higiene e conforto pessoal;
5. Higiene habitacional, estritamente necessária à natureza dos cuidados prestados;
6. Tratamento da roupa do uso pessoal do cliente;
7. Atividades de animação e socialização, designadamente, animação, lazer, cultura, aquisição de bens e géneros alimentícios, pagamento de serviços, deslocação a entidades da comunidade.

Centro de Dia

O Centro de Dia é uma Resposta Social, desenvolvida em equipamento, que consiste na prestação de um conjunto de serviços que contribuem para a manutenção dos idosos no seu meio sócio-familiar.

Objetivos do Centro de Dia:
1- Prestação de serviços que satisfaçam as necessidades básicas;
2- Prestação de apoio psicossocial;
3- Promover a continuidade ou o restabelecimento das relações familiares e de vizinhança;
4- Garantir e respeitar a independência a individualidade, a privacidade e livre expressão de opinião;
5- Favorecer os sentimentos de interação, auto estima e segurança de forma a contribuir para a estabilização e o retardamento do processo de envelhecimento;
6- Criar um espaço de convívio, apoio e inter-ajuda, contribuindo para o bem-estar dos idosos, quebrando, assim, o isolamento social;
7- Desenvolver atividades de lazer e de animação com os clientes.

 Serviços prestados:

  1. Alimentação: pequeno-almoço, almoço, lanche e jantar;
  2. Animação/lazer;
  3. Cuidados de higiene;
  4. Apoio a deslocações médicas e exames;
  5. Apoio/ acompanhamento psicossocial.